Pesquisa de opinião e o perfil ideal de presidente para o Brasil

24 jul 2018

Em recente pesquisa de opinião divulgada pelo R7 (portal de notícias da Rede Record) o brasileiro obteve a oportunidade de traçar o perfil que considera mais adequado para ocupar o cargo de presidente do país.

O cenário político conturbado vivido nestes últimos anos influencia a opinião dos brasileiros que participaram da pesquisa. A maioria (85%) acredita ser prejudicial para o país que o presidente esteja sob investigação, por outro lado 72% considera ser um ponto positivo ter apoio político para governar. Sendo assim, a experiência política é um fator relevante para 80% dos entrevistados.

Os participantes também apontaram uma lista de prioridades, sendo que o combate à corrupção se destaca como primeira preocupação para 21%, seguida pela recuperação da economia/geração de empregos (20%), resolução dos problemas de saúde (18%) e segurança (17%).  Estas porcentagens próximas refletem a situação atual do Brasil, tendo que enfrentar diversos problemas de ordem política, econômica e social, evidenciam os temas que serão colocados em debate entre os candidatos, e irão compor a lista de desafios para o presidente que governará o país nos próximos anos.

Para que serve a pesquisa de opinião?

A pesquisa de opinião reflete o pensamento de uma população (representada por uma amostra) sobre um assunto específico. No caso das pesquisas eleitorais, apontam tendências, revelam as preocupações e desejos dos eleitores, suas preferências, etc.

Pode ser utilizada num plebiscito, para identificar o que acha a população em assuntos polêmicos (ex. liberação do uso da maconha, legalização do aborto, etc.), ou obras públicas (ex. construção de ciclovias, viadutos, creches, etc.), ou ainda pode ser utilizada em empresas para verificar o que pensam os clientes sobre uma nova forma de entrega, um novo produto, ou pode identificar qual o canal de comunicação preferido pelos clientes, etc.

Pelos exemplos acima, percebe-se o quanto é ampla a atuação e utilidade de uma pesquisa de opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *